Project Description

Lua Couto

regeneração | narrativas ancestrais | decolonização

Pesquisadora de narrativas regenerativas que abordam a dignidade humana em um planeta próspero. É idealizadora do coletivo Futuro Possível. Atua na educação e nos diálogos para a transição a partir da urgência na recuperação de narrativas ancestrais e da construção de um pensamento crítico decolonial.

É facilitadora de diálogos para a transição, fundadora e pesquisadora da consultoria de inovação sob condições únicas amazônicas Ventra e foi diretora de criação em projetos do Norte do Brasil por 13 anos.

BAIXAR APRESENTAÇÃO

serviços

Das partes para o todo
Estamos obcecados por soluções milagrosas e respostas rápidas. A crença é: seja rápido e não gaste tempo com perguntas, teoria, filosofia. Ao negarmos as teorias, a sabedoria e valorizarmos somente a prática, ignoramos o fato de que toda ação habitual é baseada em nossas ideias e crenças conscientes e inconscientes. Pensar a presença humana na terra é questionar profundamente nossa maneira de pensar, nossa visão de mundo, nosso sistema de valores ocidental. Para então se abrir para a compreensão de que o futuro possível precisa atuar para a regeneração planetária.

Diálogos para a transição – Criando travessias para esse tempo que nos atravessa
É pela construção do comum que atravessaremos a fronteira do tempo em que vivemos. É sobre tecer múltiplas conexões entre grupos que podem se tornar embriões de um novo mundo, de novos modos de ser, trabalhar, fazer, imaginar futuros. Nessa palestra falamos sobre a criação de territórios relacionais provedores de um acolhimento que favorece o processo de experimentação de ideias e novos jeitos de estar no mundo.

Caminhos para um futuro possível
Aumentaremos nossas chances de futuro se aceitarmos a nossa própria ignorância, celebrarmos a ambiguidade e nos associarmos à incerteza. Esse é o convite. Um futuro possível é aquele que acolhe a ciclicidade da natureza e celebra seus movimentos, reconhece que a mudança faz parte da vida, honra a diversidade e abre espaço para o novo reconhecendo a urgência na recuperação de narrativas ancestrais e da construção de um pensamento. Existem caminhos? Existem faróis e gestos possíveis já testados e existindo no mundo!

Como colaborar e formar comunidade
Não há nada que você possa pensar que não venha de alguma colaboração. Com a história da modernidade ocidental, viemos desaprendendo nossas habilidades para conviver em grupo. Nesse wokshop vamos falar sobre o que é a (re)construção de uma comunidade, etapas, princípios de evolução em grupo, diversidade e conflito, habilidades a serem resgatadas, rituais importantes, acordos e clareza de propósito.

Das partes para o todo e Diálogos para a transição 
Criando travessias para esse tempo que nos atravessa (mesmo conteúdo das palestras, em forma de workshop).

Facilitação: Diálogos para a transição
Precisamos das perguntas certas para viver as mais profundas questões juntos. Para sentirmos as mudanças que queremos ver no mundo e sssim aprendemos a apreciar múltiplas perspectivas e ter uma compreensão compartilhada da nossa participação no todo.

Contrate agora

clipping

Jornada da Calma #54: Um Futuro Possível e Regenerativo

Interessou? mande uma mensagem!

Fale com a gente. A Tambor conta com uma equipe sempre conectada para atender às suas necessidades. Use o formulário abaixo, mande-nos um e-mail (contato@tambor.biz) ou ligue para 11 94931 7069